Bem-Vindo

Seja bem vindo ao blogue de fãs da Diana Pinto. A Diana é uma escritora do Blogger, conhecida por escrever as histórias de mistério "A Escola do Terror" e "Encontro com o 666". A primeira lançada em livro em Outubro de 2015.
Aqui encontra notícias, vídeos, fotos, além de conteúdo exclusivo como entrevistas feitas à Diana e aos colegas de escrita da mesma.
Obrigada pela visita e volte sempre!

sábado, 11 de abril de 2015

Possíveis assassinos em Memórias Aterradoras (Análise)

Olá leitores!
Tal como informámos na nossa Página do Facebook aqui temos o post com os possíveis assassinos da história "Memórias Aterradoras".
Leiam já abaixo e escolham o vosso possível assassino.

Como vocês sabem, a Raquel e o Simão morreram nos Capítulos 8 e 10, respetivamente. E nós, da equipa de fãs da Diana, decidimos trazer os possíveis assassinos.

1. O Velho
O primeiro da nossa lista é, claramente, o personagem mais velho da história. Foi descrito vestido como um agricultor de 60 e tal anos. Apareceu pela primeira vez no capítulo 9 dizendo que era o dono das terras e já causou o pânico entre os leitores. A sua primeira aparição foi assustadora e a sua primeira conversa com a Monalisa foi suspeita e misteriosa. Esteve desaparecido nos dois capítulos mais importantes (a morte dos dois personagens) e apareceu nos seguintes dando a entender que podia ser ele o assassino devido às suas frases enigmáticas.
É possível ser o assassino, mas também é bastante óbvio.

2. Monalisa
Esta personagem feminina foi a segunda suspeita a ser pensada pelos leitores. A sua viagem para àquelas terras novas foi difícil de ser acreditado pelos leitores (afinal, quem iria para um lugar desconhecido com um completo estranho?!). Desde o início, a Diana trouxe-nos uma personagem com algumas atitudes estranhas. Esteve desaparecida no capítulo 11 (após a morte do Simão) e falou com o velho que se dizia dono das terras no capítulo seguinte ao da morte da Raquel, não havendo qualquer acontecimento que a fizesse estar longe das suspeitas dos leitores.
No capítulo 12, mostra estar tremendamente desorientada psicologicamente, ouvindo a voz da Beatrice, a tia de João Paulo. Este incidente faz crer que ela seja uma vitima, mas a pergunta persiste... será mesmo?!

3. João Paulo
Esta personagem foi levantada após o capítulo 12 ter sido postado. Foi um leitor que juntou as peças. Na verdade, o João Paulo foi um personagem caricato mas que ninguém deu por ele. Sobrinho da Beatrice, a primeira personagem morta na primeira fase da história. Na primeira fase, sabe-se que Beatrice matou-se, mas João Paulo comenta com Monalisa no início da segunda fase dizendo que a policia continua a investigar a morte dela. Será possível que, afinal, foi João Paulo que matou a própria tia por causa do amigo?! Além disso, Monalisa andava desaparecida após a morte de Simão e João Paulo andava à procura dela. No capítulo 11, João Paulo entra no local da festa, onde Simão foi morto, e não encontra o corpo do personagem masculino. Será que viu realmente o corpo e a Diana apenas nos omitiu esse facto para não encontrarmos logo o assassino? Fica a pergunta no ar!

4. André
Mais nenhum leitor pensa no André, mas a verdade é que ele pode ter sido o assassino da Raquel, já que ela tentou excitá-lo e depois acabou dando-lhe um estalo no mesmo capítulo em que ela morre. Além disso, quando ocorre a morte de Simão, o André não está a jogar com os colegas naquela altura. André só é descrito no final do capítulo quando João Paulo pergunta a ele onde está a Monalisa. Nesse momento, André estava a dançar com uma colega. Possível assassino? Claramente e nem é bastante óbvio porque apenas o ligaríamos à morte da Raquel (à primeira vista).

5. Luís
Não sei se vocês deram pelo desaparecimento dele no capítulo 10, a morte do Simão. O Luís, amigo do Simão e do André, não estava a jogar com os amigos naquela altura e andou mais tempo desaparecido que a Monalisa. O Luís só reapareceu no capítulo 11, quando é descoberto pelo João Paulo, que andava à procura da Monalisa. Não pensaríamos que ele iria matar o amigo mas nesta história é possível.

E é isto! Pensámos em todos os possíveis suspeitos e nos deparámos com estes cinco. Retirámos, obviamente, o César e o Bruno que estiveram sempre presentes a falar de jogos e das duas amigas da Raquel, Luísa e Cátia, que sempre estiveram ao lado dos dois amigos a jogar.

Após esta pequena análise, em qual dos suspeitos apostam?

Novidades em breve!

Um comentário: