Bem-Vindo

Seja bem vindo ao blogue de fãs da Diana Pinto. A Diana é uma escritora do Blogger, conhecida por escrever as histórias de mistério "A Escola do Terror" e "Encontro com o 666". A primeira lançada em livro em Outubro de 2015.
Aqui encontra notícias, vídeos, fotos, além de conteúdo exclusivo como entrevistas feitas à Diana e aos colegas de escrita da mesma.
Obrigada pela visita e volte sempre!

domingo, 24 de agosto de 2014

Desafio: "Sonhar com vontade"

Olá leitores fãs da Diana!

Deixamos aqui os finais alternativos das personagens que os leitores da Diana escolheram.
Alguns bem originais.

Obrigada por aderirem ao desafio.
Em breve mais desafios.

Rui, enviado por Facebook

Personagens: Carolina e Miguel.
Estória onde as personagens se encontram: A Escola do Terror.
O que elas faziam: Eram estudantes, adolescentes.
Género: Drama.

Anos passaram, a Mafalda continuava a ser lembrada pelos estudantes daquela escola. A Carolina continuava a falar com o seu ex namorado Bernardo mesmo com tudo o que se tinha passado naquele grande ano escolar.
O casamento da Sofia e do José ia se realizar, a pequena Angelina já tinha nascido. A Carolina estava a sair de casa com o Miguel, o namorado de dois anos. Sim, eles ainda namoravam. Não era um amor por conveniência, da parte dela. Após ter tido uma grande nota a Português, ela seguiu Direito. Estava na Faculdade de Direito de Lisboa. O Miguel, esse queria seguir as pisadas da mãe, professor de português.
Ambos se preparavam para o casamento. Estavam já atrasados. A Carolina foi a correr para o carro. O Miguel já a tinha chamado mais de três vezes. O local do casamento ainda era longe!
O automóvel vinha a alguma certa velocidade.
- Pareço a noiva! Se calhar, até devo chegar mais tarde que a Sofia. - disse a Carolina, nervosa.
- Espero não chegar tão tarde. - apenas disse o Miguel.
O carro vinha com excesso de velocidade. A Carolina ficou mais nervosa ainda.
- Não tens a noção que estás a ir depressa demais?
- Não vai acontecer nada, Carolina. - acalmou-a.
Nessa altura, estavam prestes a aproximar-se de um semáforo. Estava amarelo quando chegaram a poucos centímetros dele.
- Pára o carro! - ordenou a Carolina, nervosa.
O Miguel tentou, sem êxito. O carro embateu contra um outro automóvel e virou.
Na hora do casamento, a Sofia achou estranha a não aparição da Carolina e do Miguel. O Bernardo confessou ao Gonçalo que estava a ter uma relação com a Carolina, de novo. Ele não tinha mudado!
Minutos depois, a chamada de que eles tinham tido um acidente foi feita. O casamento acabou por não se concretizar. E horas depois o Miguel estava fora de perigo e a Carolina....morrido!


Estela, enviado por Facebook

Personagens: João e Henrique.
Estória onde as personagens se encontram: Encontro com o 666.
O que elas faziam: Policias.
Género: Romance (homossexualidade).
Eu imaginei que acontecesse isso devido a eles serem muito amigos.

Alguns dias passaram, os quatro policias regressaram ao trabalho. O 666 já tinha sido descoberto. O João e o Henrique continuaram a manter contacto com a Ana e a Diana e saíam algumas vezes. O Henrique arranjou coragem e decidiu confessar-se ao colega de trabalho e amigo. Ambos aproximaram-se mais graças ao caso do 666 e o Henrique acabou por apaixonar-se pelo João. Combinou uma saída com ele e estavam no local combinado, na hora marcada.
- Então, não me digas que é mais um assassino? - inquiriu o João ao sentar-se numa cadeira.
O Henrique negou. Estava sério. O João achou estranha a reação dele. O Henrique sempre parecia alegre e brincalhão.
- O que se passa?
- Tenho que te contar uma coisa.
- Claro.
O Henrique respirou fundo antes de começar.
- Nós já éramos amigos e colegas de trabalho antes de irmos procurar o nosso assassino. Mas, tudo mudou de figura quando nos aproximámos mais para trabalhar.
- O que é que estás a querer dizer? - perguntou o João, sério.
- Eu apaixonei-me por ti, João.


Sílvia, enviado por Facebook

Personagens: Ana Carretas, Ana Catarina, Diogo Sagres.
Estória onde as personagens se encontram: Encontro com o 666.
O que elas faziam: Acompanhantes de luxo e estudante.
Género: Comédia.

As duas acompanhantes de luxo, Ana Carretas e Ana Catarina, continuaram a trabalhar no supermercado tal como a policia Ana Rodrigues as deixou. No entanto, as coisas não corriam bem para as duas. A Fantasia dos Prazeres e a Desejos Proibidos continuavam a assombrá-las. Os seus nomes continuavam a assombrá-las. Aliás, continuavam a ter relações sexuais com alguns clientes do supermercado. O Diogo Sagres continuava à procura da Ana Carretas, como sempre foi. E a Ana Catarina como Desejos Proibidos continuava as suas relações.
A Ana Rodrigues soube disso e tentou afastar-se desses problemas. Elas nunca iriam mudar! Ela só queria que elas não desrespeitassem os clientes e conseguissem trabalhar ali.
Numa noite, as duas assaltam o supermercado para puderem sair dali. Uniram forças para saírem daquela vida. Elas sempre seriam acompanhantes de luxo e ter outra vida seria uma prisão.
As duas acabaram presas pela Ana Rodrigues mas a pedido do colega João, as duas foram soltas.
A Ana Carretas e a Ana Catarina continuaram acompanhantes de luxo!
E o Diogo Sagres...continuava a ter relações com a Fantasia dos Prazeres!

Vasco F., enviado por Facebook

Personagens: Letícia, Cristiana, Bruno e Susana.
Estória onde as personagens se encontram: Uma Vida de Sombra.
O que elas faziam: Estudantes.
Género: Suspense.

"Trrrrrrrrrrrrrrrrrrrrimmmmmmmmmmmmmmmmmm
O despertador toca e a Susana desliga-o e diz:
-Ai que pesadelo.
Estava toda molhada,levanta-se,toma o pequeno almoço e conta á tia e á mãe o pesadelo que teve.Foi para a escola e vê todos os seus colegas sem armas e muito sorridentes,também vê os seus professores a darem-lhe os bons dias.

Mas, então,
porque será que ela teve este sonho?"

Não, não tinha sido um sonho! A Letícia, o Bruno e a Cristiana tinham sido presos horas mais tarde, pela morte do David, o amigo do Tiago.

"Entretanto a Letícia estava a falar com os seus dois amigos:
-Eu prometo que nunca mais vou matar ninguém.-disse ela.
-Nem eu.-disse o Bruno.
-Nem eu.-disse a Cristiana.
-Agora temos de trabalhar.-disse a Letícia.
-Pois é.-disse o Bruno.
-Cristiana,diz obrigado por mim ao David foi simpático da sua parte proteger-me.
-Está bem.
O policia vai ter com todos.
-Meninos vamos limpar as ruas.
O policia pega nas algemas e só amarrou-as numa pessoa....a Susana...."

A Cristiana matou o rapaz que amava, a Cristiana tinha morto o David, no "sonho" da Susana, que era nada mais que uma realidade. O sonho da Susana era realidade! A morte do seu antigo namorado era verdade. A Susana foi internada numa clínica para se restabelecer e tinha tido todo este "sonho - realidade". O despertador tocar fazia ainda parte do seu sonho. 
Tudo não passava de um sonho. Um "sonho-realidade".

Afonso, enviado por Facebook

Personagens: Melissa.
Estória onde as personagens se encontram: O Colégio Interno.
O que elas faziam: Estudante.
Género: Drama.

"O detective e a directora deram um aperto de mão e o detective saiu do colégio. Estava vento e o céu estava escuro. O detective caminhou por entre os pingos de água que caíam do céu.
O caso estava resolvido...ou talvez não."

Dias mais tarde, a Melissa estava de novo no Colégio Interno. Tudo parecia calmo após a prisão da professora de Espanhol. Acordou de noite e foi beber um pouco de água. Voltou a ver uma rapariga de vestido branco a rastejar no chão.
"Não tinha sido a professora de espanhol? - Pensou ela.
Minutos depois, a Melissa tinha desmaiado.
Horas depois, a directora e os alunos acordaram. Viram a Melissa caída no chão. Ainda.
Ao levantá-la poderiam ver...estava morta!

Nelson, enviado por Facebook

Personagens: Alex.
Estória onde as personagens se encontram: O Que Espero Encontrar.
O que elas faziam: Estudante, ex namorado da Natasha.
Género: Suspense.

Alguns dias depois a Marina regressou para perto da amiga Natasha e do antigo namorado Gustavo. Nada se sabia do Alex e da Carina. Dizia-se que o Alex tinha saído da escola. A Carina tinha regressado ao Brasil. A Natasha tinha saído de casa no fim de semana após uma semana de testes, na ausência do Felipe. Viu que o Alex tinha passado perto dela e olhou para trás.
- Alex? - chamou.
Ele virou-se para trás.
- Olá Natasha. Está tudo bem? - perguntou ele. Parecia feliz.
- Sim e contigo? - inquiriu ela, achando estranho tudo aquilo. Ele respondeu afirmando com a cabeça.
- Estás com o Felipe, não é? - Ele perguntou-lhe e ela apenas confirmou com a cabeça.
- Porquê? Eu não te trai. Era a minha irmã mais velha que atendeu a chamada. Eu nunca lhe tinha contado que tinha namorada.
A Natasha parecia desnorteada. Não sabia como reagir. Afinal, ela tinha largado tudo e voltado para o Felipe porque o Alex tinha lhe traído. Era o que ela sempre tinha pensado.
A conversa deles terminou e a Natasha não contou ao Felipe que tinha estado com o ex namorado. Dois dias passaram e o Felipe tinha regressado a casa da namorada pois ela não tinha ido à escola. A mãe da Natasha tinha ido de viagem por uns dias e só regressaria na semana seguinte. Ao chegar a casa viu a Natasha caída no chão, ensanguentada. Em cima da mesa de cabeceira encontrava-se um papel. Lê-o.

"Olá Felipe, sei que vais ser tu a ler este papel. Acho que a tua namorada não falou que eu tinha lhe aparecido à frente no sábado. Esperei que ela te dissesse. Ela disse que iria te contar que te traiu comigo. Afinal, sempre soube que ela me amava. A chamada que ela fez para o meu telemóvel no último dia em que nos vimos foi a minha irmã mais velha que atendeu e não sabia que eu tinha namorada. Fiz então o que pretendia. Ela não quis ficar comigo, decidiu não te contar, e optei pela segunda resposta. Sei que irei preso, ou não pois ao contrário de ti, eu amo-a e não a trai com uma brasileira. Provavelmente já estarei morto quando a policia me tentar encontrar. É o que irei fazer depois de sair daqui. Até breve, Felipe.

Atenciosamente,
Alex, o verdadeiro namorado da Natasha."

Sim, a Natasha tinha morrido. E sim, o Alex foi encontrado morto na sua casa com uma overdose. Quanto ao Felipe...seguiu a sua vida.

Ricardo, enviado por Facebook

Personagens: Pedro Magalhães e Andreia.
Estória onde as personagens se encontram: Encontro com o 666.
O que elas faziam: Estudantes, cúmplices do 666.
Género: Suspense.

Alguns dias depois, o Diogo Sagres foi falar com o Pedro Magalhães e a Andreia em casa do Pedro. Queria pedir-lhes que trabalhassem para ele, pois viu o filme Encontro com o 666. Os dois não lhe deram ouvidos e mandaram-no embora. Um tempo depois, ouve-se uma morte na escola da irmã mais nova da polícia. A Madalena tinha morrido.
- O 666 afinal ainda não morreu. - comentou a Ana Rodrigues, aos seus colegas polícias.
- Temos que encontrar o nosso fofo assassino! - exclamou o Henrique.
O Diogo Sagres foi trancado num quarto pois sabia quem era o 666. E parecia ser o único. Mas depressa encontraram os verdadeiros assassinos, ao irem à cela do Miguel. Foi-lhe ordenado que contasse a verdade. O João e a Ana Rodrigues, competentes, fizeram-no contar a verdade. Os assassinos sempre foram o Pedro Magalhães e a Andreia. Sempre tinham sido eles. O Pedro Magalhães era louco pelo filme Encontro com o 666 e a Andreia tinha sido uma amiga dele da escola e juntaram-se os dois para ambos serem o 666.
O Pedro Magalhães e a Andreia foram presos algum tempo depois e finalmente, pode-se dizer que a estória estava acabada.

Marina, enviado por comentário

Personagens: Mafalda e Patrícia.
Estória onde as personagens se encontram: A Escola do Terror.
O que elas faziam: Eram estudantes
Género: Drama.

Algum tempo depois, a Patrícia e o Gonçalo foram até ao cemitério ver a Mafalda. Eles eram muito chegados a ela e estavam com saudades dela.
A Juliana achava muito estranho tudo o que a Patrícia fazia já que ela era bastante diferente da irmã gémea.
Foi-se a descobrir que a Patrícia era nada mais, nada menos que a Mafalda. A Patrícia tinha morrido no lugar da irmã, num dia em que decidiram trocar de identidade.
Embora ter estado triste com essa revelação (com a morte da Patrícia) ficou feliz em saber que ela era a Mafalda.
Estava explicado a mudança de atitude da "Mafalda", era a Patrícia que tinha sido chantageada naquela altura.

Helena, enviado por comentário

Personagens: Jaime.
Estória onde as personagens se encontram: Há Busca de um Sonho.
O que elas faziam: Era ator.
Género: Drama.

Os 3+3 tinham feito um filme de comédia, mas esse filme tinha-se tornado em terror. Dias após terem o concretizado, o estúdio foi alvo de mortes constantes de figurantes.
O Artur não quis aventurar-se a dar importância às mortes mas após a morte do ator secundário, Jaime, todos passaram a olhar com outro olhos todo este problema.
Os 3+3 teriam que embarcar de novo numa outra aventura mas desta vez,sombria!

Juliana Dindarova, enviado por comentário

Personagens: Margarida.
Estória onde as personagens se encontram: As Páginas de Margarida.
O que elas faziam: Era estudante.
Género: Drama.

Desde o ano 2008 que Margarida não escrevia no seu diário, no entanto, devido ao divórcio da irmã e outros fatores que lhe levaram a voltar a sentir-se triste, voltou a escrever. Sim, ela tinha voltado à sua antiga vida. Tinha reatado a amizade com a Sofia mesmo sabendo que ela não era uma grande pessoa. quanto à irmã Vanessa, a inveja continuava a afetá-la.
A Margarida tinha entrado em depressão.

Felipe, enviado por comentário

Personagens: Vanessa.
Estória onde as personagens se encontram: Há Procura da Sobrevivência.
O que elas faziam: Feiticeira (acho que nem só).
Género: Suspense.

"Bem, a Vanessa tornou-se feiticeira, ou melhor, ela já era feiticeira e agora vampira. Ela tornou-se a mais forte de todas as famílias e ficou com um cargo superior mas também continuou a ser a pequena da família Sousa.
E quanto aos chefes dos Sousa e dos Azevedo? Bem, quanto aos chefes, eles passavam as tardes a jogar, quanto às mulheres, essas falavam de roupa e culinária e trocavam opiniões.
Tudo estava bem, mas a pergunta ainda persiste...

Por quanto tempo?"

Na verdade, não foi por muito tempo. A Vanessa era desejada por outros vampiros na cidade e depressa todos entraram numa nova jornada da "vida".
Dias depois, quando ninguém deu por isso, a Vanessa foi levada e acabou morta. Os vampiros juraram vingança e uma nova guerra se tinha formado no local...

Nuno, enviado por comentário

Personagens: Jéssica.
Estória onde as personagens se encontram: Noiva do Irmão.
O que elas faziam: Era vampira.
Género: Drama.

A Jéssica, mesmo se livrando da morte o dia da guerra, não se livrou de continuar doente. Sim, nem o poder da Beatriz a tinha salvo da morte. Ela continuava doente e esse poder só aumentou o número de dias em que ela continuava viva.
Um dia, estava ela com o Rúben, quando sentiu-se mal e caiu no chão. Sim...ela tinha morrido. E a Beatriz não estava lá para lhe dar mais uns dias de vida.


Estas foram as pessoas que aderiram e todos estes finais foram muito originais e estão a ser mandados todos à Diana.
Mais posts em breve.

Nenhum comentário:

Postar um comentário